Produtor ainda considera soja melhor opção

Produtor ainda considera soja melhor opção de plantio, diz Conab. Custos relativamente estáveis e valorização do dólar são colocados como atrativos.

A área plantada com soja na safra 2014/15 deve continuar a apresentar tendência de crescimento. O aumentar deve ficar entre 1,4% e 5,5%, que irá proporcionar um total de 30,6 milhões a 31,8 milhões de hectares, segundo o primeiro levantamento de intenção de plantio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado nesta quinta-feira (9/10).

A produção do grão deve aumentar de 3,2% a 7,3%, para 88,8 milhões de t a 92,4 milhões de t. Conforme a Conab, apesar de os preços não apresentarem bom suporte para a safra que será iniciada, os produtores consideram que o plantio da oleaginosa ainda é a melhor opção, em comparação com as demais culturas concorrentes, principalmente milho, feijão e pastagens.

“Colocam como atrativo, uma certa manutenção dos valores relacionados aos custos de produção, capitaneada pelo comportamento dos preços dos fertilizantes, oportunidade bastante aproveitada pelos produtores, que providenciaram um grande volume de compras antecipadas, no primeiro semestre”, dizem os técnicos da Conab.

Além disso, o dólar continua apresentando valorização ante o real, tornando a queda observada nos preços internos mais amena do que nas cotações internacionais do produto.

A Conab observa que, de uma maneira geral, as chuvas iniciadas na primeira quinzena de setembro, nos Estados da região Sul, já possibilitaram o adiantamento no calendário de plantio em importantes áreas de produção. “Fato idêntico se observa nos Estados do Centro-Oeste, mas especialmente por causa do aumento do plantio da oleaginosa sob pivô (irrigação).”

A estatal ressalta que o aumento da área plantada cria um complicador para o cenário da comercialização. Em anos normais, as vendas antecipadas, que representam uma importante estratégia adotada pelo produtor no cadenciamento das vendas, situavam-se, em média, no intervalo entre 25% e 30% do total da safra. Nesta temporada, até o momento, as vendas antecipadas alcançam, no máximo, 10%.

“A possibilidade de que essas vendas se concentrem com a proximidade da colheita, está sendo visto com preocupação pelos agentes de mercado”, alerta a Conab.

Fonte: Globo Rural.

Compartilhe

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *